Número total de visualizações de página

sábado, 16 de novembro de 2013

Mais um ano que passa e um vazio a ocupar um espaço demasiado grande dentro do meu peito. O vazio da tua presença que permaneçe frio,amorfo e interminável.Sentir as mãos cheias de nada,o coração a transbordar de mágoa e dor como no primeiro dia em que fiquei sem ti,tentar acomodar o silêncio da tua ausência ao passar dos dias,ao sabor das marés,à passagem das estações,é uma tarefa demasiado penosa e árdua para mim ainda hoje!....13 anos já é algum tempo,dirão.Depende digo eu,daquilo que se ganhou ou se perdeu nesse espaço de tempo.
Eu,perdi a tua presença,o som da tua voz,o jeito do teu andar,o teu sentido de humor,a tua maneira de tocares à campainha e sobretudo as nossas recordações da infância as nossas cumplicidades......mas no fim de contas,ganhei  a sorte de poder dizer que tive (tenho)um irmão e por  isso o meu coração é ainda mais rico  e eu sou mais abençoada por poder reter-te na minha memória e no meu coração e para mim,13 anos não são assim tanto tempo!
Amo-te mano.Até já.

Sem comentários:

Enviar um comentário