Número total de visualizações de página

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Renovação.

É por esta altura,que normalmente fazemos o balanço do ano que passou com tudo o que ele teve de mau ou menos bom.Contudo e por muito que se queira deitar fora o que não prestou,fica sempre um rasto ou umas pontas soltas aqui e ali,a lembrar que afinal não fizemos tudo,que podíamos ter indo deitando algumas coisas fora para que quando chegássemos ao fim,não tivéssemos acumulado tanta banalidade tanta superficialidade,em suma,tanta materialidade.É assim uma espécie de arrumar as gavetas,guardar o que é útil e deitar o que não faz falta, para criar espaço para as coisas que realmente são fundamentais na nossa vida.E o que é fundamental na nossa vida?A serenidade para saber ouvir,a razão para saber entender,a força para conseguir alcançar,o coração limpo para receber os outros,os braços abertos para ajudar todos os que estão à nossa volta e que de uma maneira ou de outra,precisam de nós. O que é realmente importante na nossa vida,é a família.E, hoje mais do que nunca, eu sinto o poder e a força desta palavra.A idade vai-nos tirando muitas coisas,mas compensa-nos com outras bem mais profundas e enriquecedoras que vamos recebendo para ir saboreando no decorrer dos dias,das estações,conforme a nossa capacidade de aceitação.É essa a magia da vida para mim.Aceitar o que a vida me vai dando sem resignação, mas com a força suficiente para quando chegar o tempo,poder dizer que afinal o balanço nem foi assim tão mau quanto parecia.