Número total de visualizações de página

sábado, 30 de abril de 2011

Mãe.

Pudésse eu
dar-te Vida
e era Grande!
Pudésse  eu voltar a ver-te
e era Ternura
Pudésse  eu ter-te comigo
e era Amor
Não posso fazer-te Viver
Não posso ter-te de volta....
e sinto-me cada vez mais pequenina....

Sem comentários:

Enviar um comentário